• (13) 3847-7000
  • Compartilhe

DESAFIOS FÍSICOS E SOCIAIS NA AMAMENTAÇÃO

Saúde - 12/08/2020 | 11:31

Foto:

A importância do apoio do núcleo familiar.

         A amamentação é um dos melhores investimentos para salvar vidas e melhorar a saúde, o desenvolvimento social e econômico de indivíduos e nações.
Embora isso seja compreendido, ainda existe muita barreira para a prática ideal da amamentação, uma vez que o seu sucesso não depende exclusivamente da mãe. De acordo com o Ministério da Saúde, o pai tem sido cada vez mais identificado como importante suporte durante esse período.
Desta forma, é preciso incentivar a participação dos pais e familiares para os cuidados não apenas com o bebê, mas também com a mãe.
Muitas vezes, através de atitudes simples podem contribuir para aumentar as chances de prolongar a amamentação. Há muita coisa que pode ser feita e pensando nisto separamos algumas dicas:
Atenção à mãe: com o nascimento do bebê é importante que o cuidado seja direcionado aos dois (mãe e bebê)
Auxílio no descanso: a amamentação demanda tempo e disponibilidade. Desta forma, é preciso reorganizar as tarefas de casa para que a mulher não se sinta sobrecarregada. Atitudes simples pequenas fazem a diferença.
Apoio emocional: muitas mulheres têm algumas dificuldades, principalmente, no início da amamentação. É importante compreendê-las e procurar ajuda profissional além de evitar comentários negativos, comparativos e que gerem ansiedade. A mulher precisa de colo, tanto quanto o filho. Precisa de abraço, precisa de amparo, precisa de compreensão e aconchego.

Estar presente: a presença do pai e familiares durante a amamentação fortalece os vínculos da família.
Adenilza de Souza

(Enfermeira Obstetra)
Sahra Henrique Liviero
(Odonto)


Últimas Notícias